top of page

Licitação de reforma na Casa de Cultura em Assú já tem vencedor

Processo licitatório realizado no âmbito da Prefeitura Municipal de Assú tem como objetivo e execução de serviços de restauração e reforma do auditório da Casa de Cultura Popular Sobrado da Baronesa localizada no centro da cidade, já conta com vencedor do certame.

Foto: Gean Lopes

A Casa de Cultura: Sobrado da Baronesa (como é mais conhecida) funciona até os dias de hoje abrigando a Secretaria adjunta de Cultura. Juntamente com o órgão municipal, também funciona como um centro cultural, oferecendo oficinas no campo das artes, e está localizada no centro histórico da cidade de Assú, próximo à Praça da Matriz. Construído no início do século XIX pelo Coronel Manuel Lins Wanderley, o sobrado foi residência do Barão de Serra Branca e sua esposa, a senhora Belisária Lins Wanderley de Carvalho e Silva, filha do Coronel Wanderley, que construiu o imóvel. O lugar presenciou um relevante acontecimento para a história do Rio Grande do Norte, quando, durante um jantar, a baronesa Belisária libertou seus escravos, lhes aplicando a lei áurea. O edifício possui 379,60 metros quadrados de área construída, mais anexos. Inaugurada em 26 de dezembro de 2003, ainda sob o Governo de Wilma de Faria, o referido Sobrado teve o seu domínio compartilhado, de certa forma, ao longo dos anos entre o Governo do Estado e a Prefeitura de Assú. Situação que abriu vários precedentes que resultaram na deterioração de alguns espaços da Casa. Mesmo hoje, tendo como patrono a própria Prefeitura municipal, o estabelecimento passa por dificuldades de revitalização da estrutura.

Todavia, paralelo a isso, a publicação do Diário Oficial do Município de Assú traz na edição da última terça-feira (03/01) a resolução do certame que foi vencido pela empresa Etazia Patrícia Galdino da Silva LTDA, no processo de tomadas de preços nº 006/2022, o qual possui como proposta o valor correspondente a R$ 85.921,99. Realizada na alçada da Prefeitura Municipal do Assú, o resultado do certame foi assinado pela presidente da Comissão Permanente de Licitação (CPL), Elisângela Eufrásio Dantas Félix. Vale lembrar, portanto, que a Deputada Estadual Isolda (PT), já havia destinado diretamente o valor de R$ 30 mil para a reforma do auditório da Casa de Cultura no dia 28 de agosto de 2022, quando a parlamentar esteve em loco para anunciar o investimento oriundo de emenda impositiva.

Estamos observando...

132 visualizações